É profissional? Obtenha melhores preços | Contacte-nos: info@wattlamp.net

Como escolher lâmpadas LED

Como escolher lâmpadas LED

Estivemos durante muito tempo habituados a comprar lâmpadas incandescentes, de halogéneo e fluorescentes. Ao proceder-se à substituição destas por lâmpadas LED, por vezes, acontece que o resultado obtido difere do esperado. Alguns clientes reportam-nos esta situação. Isso acontece, porque para adquirir-se estas lâmpadas têm de ser avaliados diferentes fatores e não apenas a potência (em watt) como era antigamente. Neste post falamos-lhes sobre alguns desses fatores, para usufruir ao máximo de todas as vantagens da tecnologia LED.


A escolha da temperatura de cor

Antigamente tínhamos as lâmpadas convencionais que se dividiam em lâmpadas incandescentes e de halogéneo que proporcionavam uma luz quente, e as lâmpadas fluorescentes que geravam uma luz fria. Atualmente tempos as lâmpadas LED com variadas hipóteses de temperaturas de cor, o que gera por vezes alguma confusão no momento da compra.


Branco frio vs branco quente

A temperatura de cor corresponde à cor do brilho que a lâmpada possui. As lâmpadas LED de cores frias apresentam tons azulados e brancos, enquanto que as lâmpadas LED de cores quentes apresentam-se mais amareladas, e até mesmo neutras. No caso de uma lâmpada mais branca ou azulada, esta apresenta mais brilho, tem uma temperatura de cor mais alta, e tem nos seres humanos um efeito energético e estimulante. Pelo contrário, uma lâmpada mais amarelada, têm um brilho mais suave, uma temperatura mais baixa, e um efeito nas pessoas mais relaxante.

Consoante a divisão que pretende iluminar escolha a temperatura mais adequada.


A escolha do IRC

O IRC é o Índice de Reprodução de Cor. O seu valor varia de 1 a 100. O valor 100 corresponde ao máximo de reprodução e equivale a uma emissão de cores igual às que são vistas através da luz do sol. Por isso, quanto mais o IRC da lâmpada for próximo de 100, mais próximas serão as cores da realidade.


A escolha do ângulo de iluminação

O valor do ângulo de abertura da lâmpada fornece uma importante informação sobre a quantidade de distribuição da luz. Se tivermos duas lâmpadas com a mesma quantidade de luz (lúmens) e uma delas tiver um ângulo de abertura maior, isso quer dizer que esta iluminará mais área, mas com uma intensidade menor. Passamos a indicar-lhe alguns exemplos de área de distribuição consoante o valor do ângulo de abertura:

  •  Ângulo de 36º: distribuição de luz por 1,9m
  •  Ângulo de 60º: distribuição de luz por 3,5m
  •  Ângulo de 90º: distribuição de luz por 6m


A regulação das lâmpadas

Na maioria dos casos, os reguladores de intensidade das lâmpadas de halogéneo, não são compatíveis com os das lâmpadas LED. Isto acontece porque as lâmpadas incandescentes e de halogéneo têm uma carga muito superior à das lâmpadas LED. Ou seja, como estas lâmpadas consomem menos energia, não conseguem atingir a carga mínima necessária para o regulador funcionar corretamente.

Se irá usar lâmpada com regulador de intensidade luminosa, certifique-se que o mesmo está preparado para as lâmpadas LED. Caso não esteja, será necessário também fazer a substituição do regulador para que tudo funcione corretamente.

Se tiver alguma dúvida, não hesite em aconselhar-se com os nossos especialistas, através do e-mail info@wattlamp.net.